(Foto: Reprodução) Uma das contribuições desse tempo de pandemia ao comportamento humano espiritual e social é a percepção de que muito do que achávamos imprescindível ao nosso bem-estar e conforto pessoal tornou-se secundário, mostrando-nos que podemos viver melhor com muito menos do que acumulamos como meio de satisfação. Para muitos, outrora extravagantes, tornou-se claro que se pode viver bem com simplicidade e menos dispêndio financeiro. No campo eclesiástico o aprendizado é de que se pode exercer um ministério pastoral de edificação da igreja e evangelização com bem menos eventos dispendiosos e com mais conexão e acompanhamento criati... Ver mais
(Foto: Reprodução) Ao orarmos por cura, é fundamental compreender que em nós mesmos não temos a capacidade ou o poder para curar alguém. Quem cura é Deus, no nome de Jesus e pelo poder do Espírito Santo. Os discípulos de Cristo foram grandemente usados por Deus para curas extraordinárias. Veja este exemplo em que Pedro e João ministram cura a um paralítico que pedia esmolas: “Disse Pedro: ‘Não tenho prata nem ouro, mas o que tenho, isto lhe dou. Em nome de Jesus Cristo, o Nazareno, ande’. Segurando-o pela mão direita, ajudou-o a levantar-se, e imediatamente os pés e os tornozelos do homem ficaram firmes. E de um salto pôs-se de pé e começou... Ver mais
WTV

Dúvidas, sugestões e reclamações, entre em contato pelo e-mail redacao@cpimw.com.br.
O Voz Wesleyana é o órgão oficial da Igreja Metodista Wesleyana.
Sede da redação: Rua Venância, 17, Xerém, Duque de Caxias, RJ.
© Todos os direitos reservados. 2020